Portugal consagra o seu príncipe Afonso (El Mundo)


Este interessante artigo contém alguns erros, que convém esclarecer. 

 
1) O Príncipe Dom Afonso é Príncipe da Beira por ser o filho mais velho do Duque de Bragança, não por ter sido consagrado à Senhora da Lapa.

2)  A sondagem de opinião realizada pela Universidade Católica em 2009 informava que 29% dos Portugueses consideravam melhor ter um Rei que um presidente da República.

À sondagem encomendada pela Comissão do Centenário da República, 40 % dos inquiridos responderam que "não eram republicanos".

3)  O Duque de Bragança desde 1974 era convidado para entrevistas de rádio e televisão, sendo por isso bastante conhecido dos portugueses.

Visitou  a  convite  dos Presidentes das Câmaras  metade dos municípios portugueses.

4) Em 2013 o Parlamento de Timor-Leste concedeu, por unanimidade, ao Duque de Bragança a nacionalidade Timorense, " pelos altos serviços prestados à Nação ".
 
Foi recebido oficialmente por Presidentes da República ou Primeiros Ministros de todos os países de língua Portuguesa e por todos os Reis e Rainhas da Europa e da Ásia .

5) A imagem refere-se ao momento em que S.A.R o Duque de Castro, chefe da Casa Real de Nápoles e das Duas Sicilias, concedeu a Ordem Constantiniana de S. Jorge ao Príncipe Dom Afonso de Bragança, durante a sua visita a Portugal com a sua Família em Julho de 2014, a convite dos Senhores Duques de Bragança, e não à cerimónia de consagração de Príncipe Afonso de Bragança a Nossa Senhora da Lapa, no dia 6 de Setembro de 2015.

Ler a notícia



<<< voltar
© Casa Real Portuguesa 1998-2015
w3c
Aviso Legal